Reivindicação histórica da população do Barreiro e atendendo à demanda da Rede SUS de Belo Horizonte, o Hospital Metropolitano Dr. Célio de Castro (HMDCC) foi inaugurado parcialmente em 12 de dezembro de 2015.

Com 46.857m² de área construída, projeto arquitetônico moderno, instalações amplas e uma moderna e completa estrutura para exames de alta complexidade, o hospital atingiu 100% da sua capacidade de atendimento em dezembro de 2017 e ampliou o acesso a serviços hospitalares em Belo Horizonte e Região Metropolitana.

Modelo pioneiro no país, o HMDCC foi construído e equipado através de uma Parceria Público-Privada celebrada entre a Prefeitura de BH e a Concessionária ONM Health (http://onmhealth.com.br/).

O Núcleo de Ensino, Pesquisa e Extensão (NEPE) do HMDCC iniciou suas atividades em agosto de 2018 e, em 2019, foi estabelecida a Comissão de Residência Médica (Coreme) na instituição.

Programa de Residência Médica
O ano de 2020 marcou o início da residência própria no Hospital Metropolitano Dr. Célio de Castro. Atualmente, são oferecidos três programas credenciados pela Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM), com o total de 12 vagas, nas seguintes especialidades: clínica médica, cirurgia geral e medicina intensiva.

Modelo de ensino
O modelo adotado no Programa de Residência Médica (PRM) do HMDCC é o ensino médico baseado em competências. Mundialmente consagrado e adotado pelo Royal College of Physicians and Surgeons do Canadá, esse modelo tem como base uma matriz de competências que define quais habilidades o médico deve adquirir durante o curso da sua residência médica.

A metodologia inclui a aplicação dos conhecimentos que foram adquiridos a situações clínicas do dia a dia com a realização de avaliações formativas periódicas para certificar o residente em tarefas específicas que fazem parte da matriz de competências.

O Canadian Medical Educational Directives for Specialists, conhecido como CanMEDS, também idealizado pelo Royal College do Canadá, é referência para o HMDCC embasar a criação de suas matrizes de competências.

Parcerias
Na perspectiva da formação profissional, um dos valores da instituição, o HMDCC também recebe profissionais médicos de outros estabelecimentos de saúde como campo de estágio.

Convênios firmados
A Coreme do HMDCC tem 10 convênios firmados com hospitais da rede pública e privada sem fins lucrativos para intercâmbio de residentes entre as instituições.

  • Complexo Hospitalar São Francisco
  • Hospital das Clínicas da UFMG
  • Hospital Eduardo de Menezes
  • Hospital Evangélico de Belo Horizonte
  • Hospital Felício Rocho
  • Hospital João XXIII
  • Hospital Júlia Kubitschek
  • Hospital Metropolitano Odilon Behrens
  • Hospital Santa Casa BH
  • Instituto Raul Soares